A conspiração dos media

José Manuel Fernande e Helena Matos perguntaram e bem o porquê do fecho da maternidade Alfredo da Costa. A resposta chegou hoje, mas o que mais me preocupa é que esta não tenha sido encarada como importante por parte dos media. É importante haver um debate público, e se possível de boa qualidade. O que veio explicado hoje por Pedro Pita Barros e por uma secção do Público a que só têm acesso os assinantes online.

Pedro Pita Barros explica que aquando da abertura do hospital de Loures, 40 por cento dos nascimentos irão ser feitos lá. Por seu lado o artigo do público faz uma explicação de nível técnico, explicando que a existência de maternidades é algo de obsoleto, e que os hospitais são mais rentáveis em termos económicos no tratamento dos pacientes.

Contudo o que me preocupa é a falta de debate público, numa situação que merecia ser debatida.

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: